domingo, 26 de fevereiro de 2012

Despedida

                                               Para Ivone Alves Sol


Arruma a casa minha preta
Chegou o tempo de encontrar os perdidos
De enxergar o quebrado
De não trocar o tecido, que o tempo teceu e você achou defeito,
O tempo da ilusão, que é o falso amor,
Detalhe que o nosso coração infantil esqueceu.
Mas as vidas vão lembrando
Do imperfeito e belo amor que hoje é seu
Escolheu, deu todas as cartas, já tinha dado, sabia;
Deixa agora no limão que isso sim é solução,
Você é esperta minha preta,
Vale mais tudo isso, nenhuma frase das que foram ditas,
Nenhuma das que pensas em dizer,
Só uma tem melhor tradução:
Continua no choro descontrolado da emoção!


Laís Câmara

Um comentário:

  1. Até queria ser mulher só para enteder mais de perto essas coisas!

    ResponderExcluir